shopping-bag 0
item(s) : 0
Subtotal : €0.00
Ver carrinho Finalizar Compras

Comunicado

Na sequência da entrevista concedida à edição de ontem do DIÁRIO de Notícias da Madeira pelo doutor Domingos Abreu, o CD Nacional, Futebol SAD esclarece:

1 – É completamente falso que a Administração do CD Nacional, Futebol SAD tenha um custo salarial anual de 600 mil euros.

2 – É completamente falso que a Administração do CD Nacional, Futebol SAD tenha recebido quaisquer prémios de produtividade.

3 – O valor mensal total do salário dos cinco elementos da Administração do CD Nacional, Futebol SAD é de 10.932 euros.

4 – Todos os elementos da Administração são remunerados em função da atividade que especificamente cada um deles desempenha nas diferentes áreas: Desportiva, jurídica, financeira, marketing, infra-estruturas. Não pelo simples facto de terem assento no Conselho de Administração.

5 – Aliás, fácil seria ter administradores pro-bono com funcionários pagos a peso de ouro, como acontece em muitas outras SAD’s, onde só o diretor desportivo aufere tanto como a totalidade desta administração.

6 – Numa altura delicada para o CD Nacional, onde é fundamental a união de sócios e adeptos, aceita-se a expressão de opinião, mas não se compreende este tipo de afirmações, sem qualquer fundamento e por isso mesmo nada benéficas para o normal funcionamento da instituição.

7 – Afirmações por isso só entendiveís por total desconhecimento da realidade, ou, pior ainda, por eventual má fé.

8 – Perante tudo isto, a Administração do CD Nacional, Futebol SAD reserva-se ao direito de encetar os procedimentos entendidos como adequados nas instâncias próprias.

9 – Porque todos os esclarecimentos serão, como sempre o foram, prestados aos sócios em Assembleia Geral, apelamos à presença de todos os associados na próxima reunião magna por forma a poderem colocar as suas questões e ver clarificadas todas as eventuais dúvidas que possam ter sobre o dia a dia do seu clube.

Deixe um comentário