shopping-bag 0
item(s) : 0
Subtotal : €0.00
Ver carrinho Finalizar Compras

Nacional derrotado pelo FC Porto

Em jogo da jornada 7 da Liga NOS o Nacional foi esta noite derrotado pelo FC Porto no Estádio da Madeira por 4-0.

Num jogo em que tinha sete indisponíveis, e apesar de ter optado por uma estratégia mais cautelosa, utilizando pela primeira vez esta temporada o modelo de três centrais, a verdade é que durante os primeiros 45 minutos o Nacional nunca conseguiu anular o FC Porto. Pelo contrário, pois os jogadores nacionalistas nunca se entenderam com as dinâmicas portistas.

Isso e a tremenda eficácia de Diogo Jota, autor de um hat-trick, fizeram com que o jogo ficasse praticamente resolvido no final dos primeiros 45 minutos.

Com Witi lesionado (suspeita de rotura muscular na coxa esquerda), Manuel Machado aproveita o intervalo para mexer na equipa, trocando de jogadores e de esquema tático.

Na segunda parte mais Nacional, mas mesmo assim o Porto voltou a marcar cedo, e com o 4-0 resolveu o jogo, bastando-lhe gerir a vantagem até final.

Ficha de jogo

Liga NOS – 7ª jornada

Estádio da Madeira

Árbitro: Rui Costa

Assistentes: Bruno Rodrigues e Tiago Costa

Quarto árbitro: João Matos

NACIONAL

Rui Silva, Vítor Gonçalves, César, Rui Correia, Tobias, Sequeira, Ghazal, Washington, Salvador, Hamzaoui e Witi

Suplentes: Framelin, Mauro Cerqueira, Geraldo, Vitor Hugo, Jota, Roniel, Ricardo

Treinador: Manuel Machado

Substituições: Ghazal por Jota (45’), Witi por Ricardo (45’), Vitor Gonçalves por Roniel (63’).

Disciplina: amarelo a Tobias (13’, 88’), Rui Correia (88’). Vermelho a Tobias (88’)

Golos:

FC Porto:

Casillas; Layún, Felipe, Marcano e Alex Telles; Danilo; Herrera, Óliver Torres e Otávio; André Silva e Diogo Jota.

Suplentes: José Sá, Maxi Pereira, Willy Boly, Rúben Neves, André André, Brahimi e Depoitre.

Treinador: Nuno Espírito Santo

Substituições: Diogo Jota por Maxi (72’), Otávio por Brahimi (75’), Danilo por Ruben Neves (80’)-

Disciplina: amarelo a Layun (55’) e Ruben Neves (87’)

Golos: Diogo Jota (11’, 38’, 44’), André Silva (57’).

Manuel Machado considera que golo sofrido cedo foi fatal

Na conferência de imprensa realizada no final do encontro, o treinador do Nacional, Manuel Machado, deu aos parabéns ao FC Porto pelo triunfo, lembrando a diferença de potencial entre as duas equipas e considerando que o golo sofrido cedo foi fatal.

 

fcp

Deixe um comentário