shopping-bag 0
item(s) : 0
Subtotal : 0.00
Ver carrinho Finalizar Compras

Nacional derrotado pelo FC Porto no Dragão

Em jogo da 16ª jornada da Liga NOS o CD Nacional perdeu esta noite por 3-1 no Estádio do Dragão diante do FC Porto, resultado que acaba por ter um sabor demasiado amigo para a equipa.

Com Felipe e Marakis de fora devido a problemas físicos (ambos com entorse da tíbio-társica), Costinha promoveu a estreia de Rosic e apostou na mesma linha média que tão boa conta deu de si em Alvalade, com Vitor Gonçalves no vértice mais recuado do meio campo e Jota e Palocevic em funções mais ofensivas.

A equipa deu boa resposta, e a uma primeira oportunidade do FC Porto respondeu o Nacional com um lance em que Camacho obrigou Casillas a uma grande defesa.

O minuto 31 foi de duplo azar para o Nacional. Brahimi deu vantagem ao FC Porto e Daniel Guimarães lesionou-se, obrigando à primeira alteração forçada na equipa.

Pouco depois Soares fez o 2-0, mas a resposta foi imediata, com Rochez a reduzir no minuto seguinte.

A segunda parte trouxe um Nacional personalizado e ambicioso, mas logo aos 55 minutos um choque entre Lucas e Rosic obriga à substituição do ‘central’,  que acabou por ser transportado ao hospital D. João para exames complementares.

No minuto seguinte o FC Porto amplia a vantagem, complicando ainda mais a tarefa alvi-negra, mas mesmo assim a equipa não desanimou e tudo fez para dar a volta ao jogo.

Criou alguns lances de perigo, mas não conseguiu marcar, acabando assim por perder um jogo repleto de azares e na qual tudo fez para merecer melhor desfecho.

Ficha de jogo

Liga NOS – 16ª jornada

Estádio do Dragão

Árbitro: Rui Costa

Assistentes: João Bessa Silva; Nuno Manso

Quarto árbitro: João Borlido Matos

 

FC PORTO

Casillas, Maxi, Mbemba, Militão, Alex Teles, Danilo, Herrera, Brahimi, Corona, Soares, Marega

Suplentes: Vaná, D. Leite, Hernâni, Oliver, Adrian, Sérgio e Fernando A.

Treinador: Sérgio Conceição

Substituições: Brahimi por Adrien (60’), Soares por Oliver (76’), Marega por Fernando A. (43’).

Disciplina:  nada a registar

Golos: Brahimi (31’, 57’), Soares (38’)

 

NACIONAL

Daniel, Kalindi, Rosic, Júlio César, Campos, Palocevic, Vitor Gonçalves, Jota, Camacho, Witi e Rochez

Suplentes: Lucas, Diogo Coelho, Diego Barcelos, Okacha, Riascos, Kaká e Kenji.

Treinador: Costinha

Substituições: Daniel por Lucas França (36’), Rosic por Diogo (55’), Jota por B. Riascos (81’).

Disciplina: nada a registar

Golos: Rochez (39’)

 

2 Comentários

  1. carlos alberto rosa de lima

    o time estava bem encarando de frente o Porto desde o inicio ,as saidas principalmente
    do nosso guarda redes Daniel foram sentidas pela equipe , mais que venha o proximo

  2. Henrique

    A equipa do Nacional teve muitos azares para este jogo, a lesão do Filipe Lopes mas principalmente a lesão do Marakis (que nos dá consistência e agressividade no meio campo) e depois a saida do Rosic (estupendo central, tem de ser claramente titular nesta equipa). Grande jogo de Daniel (até sair), de Campos e Palocevic fez um grande jogo.
    Não gostei da atitude na segunda parte que a partir de um certo ponto já parecia derrotada. Enquanto há jogo temos de ser resilientes e nunca desistir. Deixa-se um arabidze de fora da convocatória para por jogadores em campo que nem uma recepção sabem fazer (witi e Riascos). O nosso treinador é teimoso, demorou tanto tempo a tirar o Alhassan e agora com o witi parece o mesmo, mas alguém tem de tirar o witi da equipa (ele simplesmente só faz disparate!!!), ninguém vê isto Costinha? Jogo fraco do Kalindi, do Jota, Vítor Gonçalves que parece que andaram sempre desaparecidos do jogo.
    Conclusão: próximo jogo colocar o Rosic a titular, Campos na direita, Filipe Ferreira na esquerda, Kalindi extremo direito, recuperar Marakis e tissone e POR AMOR DE DEUS tirem me o witi na equipa, já ninguém aguenta isto… peço desculpa pelos comentários, sem que jogamos num estádio tremendamente difícil mas não gostei nada da exibição do nacional, nada mesmo.

Deixe um comentário